A Evolução do King Kong no cinema


Ele foi feito de barro, moldado em um terno de borracha, já foi feito de CGI. King Kong lutou contra dinossauros, robôs gigantes, Godzilla.
Sobreviveu a duas grandes guerras mundiais, passou pela guerra fria e a virada do milênio.
King Kong já  foi apresentado em sequências, remakes e spin-offs, bem como uma riqueza de paródias, sátiras e imitações absolutas. Quanto mais popular se tornava Kong, mais sua semelhança apareceu em desenhos animados, quadrinhos e todo tipo de mercadoria. 
Resumindo ao longo dos anos "cagaram" o personagem de todas as formas possíveis, a seguir algumas de suas aventuras.

King Kong (1933)


O avô de todos eles, o filme King Kong  viu o cineasta Carl Denham ( Robert Armstrong ) reservar passagem para a exótica e perigosa Skull Island, a fim de capturar o misterioso Kong com sua câmera, ao lado de sua nova engenheira, Ann Darrow ( Fay Wray ). 

O ambicioso plano é interrompido por uma ousada missão de resgate no coração da selva e uma viagem mal planejada de volta a Nova York com KongComo você provavelmente sabe, as coisas não terminam bem para a besta.

O Filho de Kong (1933)


Lançado apenas nove meses após a estreia do bem sucedido  King Kong , RKO Radio Pictures lançou esta sequência. Ele se passa cerca de um mês após os eventos de seu antecessor e realmente explora as consequências da fúria de Kong em Nova York ... como as negociações diárias de Carl Denham com várias ações judiciais. 

De uma maneira indireta, os aventureiros retornam à Ilha da Caveira para investigar o rumor de um tesouro escondido, mas encontram o filho de Kong. Esta pobre criatura gasta a maior parte do seu tempo defendendo os seres humanos insignificantes dos habitantes dinossauros da ilha, acabando por se sacrificar para permitir que eles escapem com o tesouro na mão.

Kong Kong vs. Godzilla  

(1962)

Aqui é onde a coisa começa a ficar feia. Após uma seca de quase 30 anos,  King Kong voltou da maior maneira possível em 1962. Neste filme, o chefe de uma empresa farmacêutica quer usar o monstro gigante Kong para publicidade. Blá blá blá e ele luta contra Godizilla.
O mais louco para esta coisa toda era que  King Kong contra Godzilla não era a idéia original. Em vez disso, o animador O'Brien propôs esta jóia:  King Kong encontra Frankenstein Sim, nós quase vimos Kong lutando contra uma versão gigante do monstro de Frankenstein em San Francisco.

King Kong Escapes (1967)


Essa co-produção japonesa-americana é muito louca.

Um cientista louco chamado Dr. Who cria um robô King Kong, a fim de escavar o altamente radioativo "Elemento X" no Pólo Norte. Quando o robô falha, o Dr. Who procura o Kong real para completar a tarefa. Depois de libertar Kong da Ilha de Mondo e hipnotizar a besta com uma luz piscando, os dois Kongs finalmente se enfrentam em uma batalha na Torre de Tóquio.

King Kong (1976)

Quase 45 anos após o filme original, o primeiro remake sério, estrelado por  Jeff Bridges , Charles Grodin e Jessica Lange em seu primeiro papel no cinema. Seria um dos filmes mais bem sucedidos do ano na bilheteria e recebeu duas indicações ao Oscar, levando para casa o prêmio de realização especial da Academia para efeitos visuais (que compartilhou com Logan's Run ).
Neste remake, um executivo do petróleo (Grodin) envia uma expedição a uma ilha recém-descoberta na esperança de garantir depósitos de petróleo inexplorados. O resto do filme se repete da mesma forma que o original, trocando apenas o World Trade Center pelo Empire State Building para a cena de batalha climática.

King Kong Lives (1986)

Após o sucesso do remake de 1976  King Kong , ganhou uma continuação.
Sendo uma continuação direta, a premissa de  King Kong Lives pega em tempo real, 10 anos depois de Kong morto. Surpresa! Acontece que ele foi mantido vivo em coma sob os cuidados de uma cirurgiã (Linda Hamilton), que está se preparando para dar a besta um coração artificial, a fim de salvar sua vida. 

No entanto, Kong precisa de uma transfusão de sangue, então um aventureiro dirige-se para Bornéu para capturar a gorila gigante Lady Kong. Após uma transfusão bem sucedida, os dois Kongs escapar do cativeiro juntos. 

King Kong (2005)

Peter Jackson depois do mega sucesso Senhor dos Anéis, optou por refazer  King Kong como um filme de época em 2005Naomi Watts , Jack Black e Adrien Brody participam dos papéis icônicos desta vez.

Kong: Ilha da Caveira 

(2017)

O novo filme de Kong vem como uma reinicialização completa do personagem. 

Godzilla contra Kong 

(2020)

Enquanto  Kong  parece satisfeito em governar a Ilha da Caveira no momento, já existe uma data de lançamento para o inevitável confronto entre alguns dos monstros mais famosos da história do cinema, o primeiro confronto será:  Godzilla vs. Kong tem data para estrear em 29 de maio de 2020.
O problema é que Godizilla é muito, muito maior mesmo que King Kong, é como se uma formiga enfrentasse um elefante.
A única maneira seria o King Kong tomando uma poção para ficar gigante ou o Godizilla encolher.




Share on Google Plus

About ulisses silva

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário